Valor Pro – 2 de dezembro de 2016

A aquisição da Global Aviation pela CB Air, do empresário Michael Klein, foi aprovada sem restrições pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) e pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

Somando as operações, CB Air e Global vão faturar R$ 158 milhões em 2016. O nome da empresa e a nova marca, resultantes dessa aquisição, serão anunciados no primeiro trimestre de 2017.

O anúncio da compra da Global Aviation, feito em agosto, dependia das aprovações dos órgãos reguladores. A negociação envolveu um montante de R$ 30 milhões, mais as dívidas apuradas em ‘due diligence’ — auditoria legal.

Com o fim dos processos legais, CB Air e Global passam a ter uma frota de 34 aeronaves, entre aviões e helicópteros. O grupo terá ainda dez hangares — dois no Campo de Marte, três em Congonhas, ambos na capital paulista, dois em Sorocaba (interior de São Paulo), dois no aeroporto Santos Dumont (Rio) e outro em Brasília, além de dois helipontos em São Caetano do Sul e outro em Alphaville, na Grande São Paulo.

“Nosso objetivo é ser uma empresa referência em aviação executiva no Brasil e América Latina”, disse, em nota, Michael Klein.